Inhotim

Atrações:

Um pouco de Jurassic Park, um pouco de Disneyland, um pouco da Bienal de Veneza e um pouco de Alice no País das Maravilhas:

O jardim botânico tem 4.300 espécies em cultivo e cerca de 1.500 espécies catalogadas de palmeira, a maior coleção de palmeiras do mundo. O Instituto é o único lugar da América Latina que possui um exemplar da flor-cadáver, uma espécie nativa da Indonésia conhecida como sendo a maior flor do mundo. Cada galeria tem seu próprio monitor e existe a possibilidade de alugar carrinhos de golfe e contratar guias específicos.

 

História:

Desde 2004 Instituto Inhotim  é a sede de um dos mais importantes acervos de arte contemporânea do Brasil e considerado o maior centro de arte ao ar livre da América Latina.

 

Curiosidades:

Segundo os moradores de Brumadinho, o local foi uma fazenda pertencente a uma empresa mineradora que, no século XIX, atuava na região e cujo responsável era um inglês, de nome Timothy – o “Senhor Tim”, que, na linguagem local, acabou virando “Nhô Tim” ou “Inhô Tim”.

Na volta é possível conhecer Piedade de Paraopeba, um dos povoados mais antigos de Minas Gerais (1674), que possui uma igreja pré-barroca, do período missionário – jesuítico, inaugurada em 1713. Também passamos pelo Parque Estadual da Serra do Rola-Moça.

 

Distância da capital: 60km

Visita a INHOTIM (1 dia)

Saída privativa: Terça-feira a domingo

08:00 – Encontro dos participantes.

08:15 – Embarque no transporte (carro executivo ou van) com destino a Inhotim.
Obs.: Durante o traslado (cerca de 80 minutos), passaremos pelas cidades de Contagem, Betim, Mateus Leme e Brumadinho. Este roteiro sofrerá alterações, em virtude do trânsito ou endereço do hotel.

Eventualmente podemos fazer este traslado passando pela BR040 e a Serra da Moeda.

09:30 – Chegada ao Inhotim.

Opcional: Visitas guiadas e transporte interno.

16:00 – Embarque no transporte para retorno a Belo Horizonte.

18:00 – Chegada a Belo Horizonte.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *